Uma casa para ultrapassar o cancro no Dia Nacional da Prevenção do Cancro da Mama

28 de Outubro de 2019
Uma casa para ultrapassar o cancro no Dia Nacional da Prevenção do Cancro da Mama

Na data em que se celebra o Dia Nacional da Prevenção do Cancro da Mama (30 de outubro) nasce, em Carnide, a CASA DE ACOLHIMENTO DA AMIGAS DO PEITO.

Resultado de um esforço tripartido entre a Associação Amigas do Peito, a Junta de Freguesia de Carnide e a Paróquia de Nossa Senhora de Fátima do Bairro Padre Cruz, esta será uma casa pronta a acolher Pessoas com doença oncológica, deslocadas das suas terras ou países (principalmente dos PALOP), que se deslocam a Lisboa para o processo de tratamento, e que solicitem apoio habitacional, religioso e espiritual.

Emília Vieira, Presidente da Direcção da Associação Amigas do Peito, confessa que este era um dos grandes objectivos da instituição, numa altura em que a afluência que se vive no polo do Hospital de Santa Maria ultrapassa o expectável para aquela unidade.

“O protocolo que assinámos vai ao encontro da mensagem que sua Santidade o Papa Francisco nos transmitiu no Dia Mundial do Doente. Diz-nos o Santo Padre que é preciso salvaguardar mais o cuidado da Pessoa que o lucro, que é preciso mais profissionalismo e ternura.Os apoios da Junta de Freguesia de Carnide e da Paróquia de Nossa Senhora de Fátima do Bairro Padre Cruz, que nos apareceram quando já desesperávamos... mostram que as nossas preces chegaram além."DAR PARA NÃO RECEBER" devia ser apanágio para todos, principalmente das voluntárias e mecenas, perante a fragilidade física e psíquica dos doentes que nos chegam.” — Emília Vieira

Partilhar